Trading Tênis – US Open – Jogos 28/08/2017

Olá! Está começando o US Open. Vou adicionar informações do torneio em breve. Estou focado na análise dos jogos. Esse post será atualizado ao longo do dia com os favoritos.

Grupo Telegram (Clique no link ou na imagem para acessar)

Total Tênis Trading: +484,49%

Estratégia: Back ao favorito após ele perder o 1º set 

  • Investir 50% da stake no favorito após o mesmo perder o 1º set e fechar após ele conseguir uma quebra no 2º, ou ganhar o set (fica ao seu critério).
  • Caso o 2º set vá para o tie-break, diminuir a exposição pela metade. Exemplo, se entrou com 50% da stake, deixar apenas 25% no tie-break.
  • Em jogos mais apertados podemos iniciar com 25% no favorito, e fazer outro back nele caso perca o primeiro set, para fechar todas as apostas caso ele quebra no segundo ou vença o set

12h00 – Nicolas Almagro vs Steve Johnson 0%

Almagro se lesionou em Roland Garros contra Del Potro numa cena que quase me fez chorar. Ver a dor dele naquele momento foi muito triste, ainda mais porque ele estava jogando muito. Desde então ficou longe da quadra por quase dois meses, e voltou há 15 dias em Santo Domingo, onde perdeu na segunda rodada.

Sem ritmo, dificilmente conseguirá fazer frente a Steve Johnson, jogador de muita potência no saque e que embora não venha tendo grandes resultados, tem grandes expectativas para esse torneio.

Em condições iguais a partida poderia ser mais dura, mas aqui a vitória de Johnson deve ser tranquila.

13h30 – David Ferrer vs Mikhail Kukushikin 0%

Há tempos que não via o espanhol jogar tão bem, e deu gosto de ver ele atuando em Cincinnati, onde caiu na semifinal para Kyrgios em dois tie-break. Ele mostrou muito daquela versão que nos acostumamos a ver em anos, muito sólido no fundo, devolvendo todas as bolas e forçando os adversários a errarem.

Agora chega confiante para o US Open, e pode ir longe, pois fisicamente sempre foi muito bom. Te um adversário complicado pela frente, já que Kukushkin tem talento, bom saque, sabe volear e se mover bem. Apesar disso, é instável e frágil fisicamente, de forma que é muito difícil esperar que ele vança em 5 sets.

14h00 – Pierre-Hugue Herbert vs John Isner 0%

Com Isner temos sempre o risco de jogar por tie-breaks, mas nessa hora ele é sempre dos mais confiáveis. Saca muito, aproveita as chances que tem, e no saque não decepciona. Essa quadra é um pouco mais lenta, e com o quique da bola mais alto, o que é melhor para ele, que vai atacar com mais precisão e não irá se desgastar tanto precisando abaixar.

Dois tenistas de estilo parecido, mas um é top, e o outro não. Isner em casa vai levar, embora usar sua cota para combinar sempre seja arriscado e não recomendado.

15h00 – Albert Ramos vs Denis Istomin +14%

Esse é um jogo tranquilo pra constar no card. Ramos é um jogador de muito talento, sólido no fundo, e que vem de bom torneio em Cincinnati. Antes daqui estava em exibição onde venceu bons jogadores e jogou bem.

Enfrentará Istomin que vem em péssima fase, e que é dos mais instáveis do circuito. Seu saque, que é sua maior arma, não tem funcionado. Irregular, em algum momento teremos oportunidade de lucrar aqui.

15h30 – Thanasi Kokkinakis vs Janko Tipsarevic 0%

Tipsarevic está numa forma física horrível. Pediu atendimento nos últimos jogos, e vem errando demais. Kokkinakis é sempre um tenista que temos dúvidas quanto ao seu físico, mas ele em Los Cabos se mostrou muito bem, e foi incrível vê-lo na final de um torneio depois de tanto tento onde tinha dificuldade para passar até de uma segunda rodada.

Ele é muito agressivo, saca bem e tem ótimos golpes. Jogo para ver ao vivo, mas o australiano tem tudo para vencer, e só não o fará se estiver mal fisicamente, pois a atual fase do sérvio é de muito mais dúvidas.

15h30 – Sam Querrey vs Gilles Simon 0%

Querrey vem numa das melhores temporadas da carreira, jogando muito bem e com a confiança no alto. Ele é um dos jogadores que pode surpreender nesse torneio, pois tem um saque bem sólido, ótimos golpes de fundo, e nas trocas não se intimida.

Simon é um tenista sólido, de qualidade, mas que vem numa fase horrível. Ele peca pela falta de potência, e sem confiança rende ainda pior. Ele até pode começar bem, mas essa fragilidade em seu saque me leva a crer que dificilmente não nos dará uma oportunidade de lucro.

17h00 – Lucas Pouille vs Ruben Bemelmans 0%

O francês não em em boa fase, sendo eliminado nas primeiras rodadas de Washington e Montreal. Em Cincinnati preferiu não jogar, o que me leva a crer que estava aprimorando qualquer dúvida na parte física para esse torneio.

Ele é um jogador que pode surpreender aqui, ainda mais com tantas ausências. Bemelmans é um jogador perigoso, mas vem numa fase também ruim, não conseguindo avançar nem em qualys.

Melhor jogador, em 5 sets o francês dificilmente perderá. A não ser que faça como tem feito, que é querer acelerar quando a Minardi já fumou.

Total rodada 44: +14%

Compre créditos neteller, bet365, etc com ótima cotação na royalpag.com

Thiago Pessoa tiquinho

Formado em direito pela UFMG, largou tudo para se dedicar ao mundo das apostas. Desde 2010 se dedica a vários sites, tendo como principal o queroapostar.com

Related Posts
Leave a reply